2 de setembro de 2011

Má notícia

Ontem liguei no meu serviço para confirmar o meu retorno. Pelos meus cálculos eu voltaria a trabalhar no dia 27 de setembro, mas segundo a moça do RH eu volto antes, dia 22.

Fiquei chateada por perder uma semana. Para mim todo tempo com meus filhos em casa é precioso.

O Miguel estava tomando café enquanto eu falava no telefone com o RH. Quando eu desliguei ele me diz chorando "Por que você tem que trabalhar?" E caiu no choro.

Quem conhece ele sabe que ele não chora, exceto quando está muitissimo cansado ou quando o machucado doeu muito. Eu fiquei com o coração partido. Dei um abraço nele e expliquei que depois que ele sair da escola irá me encontrar em casa.

Eita situação difícil...

2 comentários:

Rêver du Québec disse...

EEE Fe, não é fácil não!!! Mas vamos lá, força na peruca que a gente consegue, temos que conseguir, por isso já falei pro marido que se um dia chegarmos lá no Quebec (se Deus quiser esse dia chega!), não vou trabalhar enquanto meus filhos forem menores de 10 anos, parece muito, mas para os pequenos isso não tem preço!!! Boa sorte por ai Fe, bjks

Rose Misceno disse...

Tbm sofri com a volta e olha que fiquei quase um ano em casa, 6 meses de licença-maternidade, depois 1 mês de férias e mais 3 meses de licença-prêmio!
E mesmo assim fiquei mal, mesmo trabalhando meio período!!
Mas nós mamães somos assim e pense sempre que tudo dará certo no final!

=)